Os jovens perceberam que o bullyng estava associado aos preconceitos com a comida e com as pessoas que gostavam de comer. Por isso, o projeto teve o nome de Bullynária como combater o bullyng e falar de alimentação saudável.

“Na nossa escola tivemos que realizar um cardápio saudável e apresentar o nosso projeto. Na plateia tinha uma mãe do infantil, formada em gastronomia, que aprovou o nosso cardápio e nos ajudou com mais ideias. Fomos elogiados por uma gastrônoma respeitada e pós-graduada pela nossa comida. Os resultados foram não só a satisfação e aprendizagem, mas também a degustação feita com carinho.”, contam os jovens.

Realização: outubro de 2017


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *